Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Explore outras zonas erógenas

O prazer sexual não está restrito aos genitais e à penetração – descubra como estimular mais partes do corpo da sua parceria *Por Theo Alarcon Imagine o corpo todo como um parque de diversões e, entre tantas possibilidades, brincar apenas com os genitais. É isso que costumamos fazer no sexo: nos restringimos às partes óbvias da parceria (vulva e vagina, pênis e saco escrotal, ânus) ao invés de explorar outras zonas erógenas. Mas descobrir novas formas de prazer é a maneira mais gostosa de melhorar a intimidade sexual. Toda a nossa pele é repleta de terminações nervosas, que estão mais concentradas em algumas áreas do corpo – as zonas erógenas. Quando elas são ativadas através do toque, por exemplo, o cérebro capta esse estímulo sensorial e gera excitação sexual. Ou seja, pode despertar ou aumentar o tesão e até levar ao orgasmo mesmo sem encostar no genitais! Pescoço, nuca, orelhas, mamilos e períneo são algumas das zonas erógenas mais exploradas nas preliminares, mas ainda com seu

Últimas postagens

Tesão nem sempre é sinônimo de lubrificação

Como negociar uma fantasia sexual

Como vulva e vagina envelhecem ?

Você é uma mulher desejante ou só desejada?

Mitos e verdades sobre masturbação peniana

Perrengue íntimo: 5 dúvidas comuns sobre vulva e vagina

Como superar a vergonha de receber sexo oral

Podolatria: o meu desejo aos seus pés

Como o autocuidado contribui para a libido?